Independentemente do tamanho ou segmento da sua empresa, ter uma ferramenta de monitoramento de rede é fundamental. É através desse tipo de solução que será possível verificar a eficiência da infraestrutura, e até mesmo verificar os acessos.

Através desse tipo de software, você poderá ter nas suas mãos relatórios, gráficos e tabelas com mais facilidade. Dessa forma, será mais fácil identificar problemas, e tomar as melhores decisões.

E para te ajudar, nós separamos algumas das melhores ferramentas de monitoramento de rede. Confira!

  • Monit

Essa é uma solução de código aberto voltado para dispositivos Linux. Com ela, é possível gerenciar todos os processos dentro do próprio sistema.

O grande diferencial dessa ferramenta, é o fato dela conseguir lidar com circunstâncias inesperadas.

Por exemplo, caso o servidor reinicie, o software vai reiniciar o processo e identificar o problema.

  • PRTG

Mais uma opção de ferramenta de monitoramento de rede é o PRTG. Ele roda 24 horas por dia, logo, você terá controle total sobre os processos.

Com ele, é possível criar relatórios e gráficos automaticamente, apenas selecionando o tipo de informação que deseja que apareça. O melhor de tudo é que ele pode monitorar tudo, desde os roteadores até a temperatura ambiente de datacenter.

Ele consegue rodar em vários sistemas, e ainda te informa sobre eventos inesperados via e-mail o SMS. O único contra dessa alternativa é que ela exige um investimento mais alto.

Mas levando em conta que você terá controle absoluto sobre toda a sua estrutura, vale à pena investir um pouco mais para ter os benefícios oferecidos pela solução.

  • Munin

Essa é mais uma opção de código aberto para Linux. Nesse caso a interface é acessada via web.

O bacana dessa alternativa é que ela gerencia o sistema do computador e de infraestrutura. Além disso, essa ferramenta consegue alertar os usuários sobre qualquer erro relacionado a servidores, aplicativos, switches e serviços. Ele também avisa quando tudo foi resolvido.

Um dos grandes diferenciais dessa solução é a quantidade de plugins. São em torno de 500 para você ter mais facilidade de monitorar o desempenho da sua rede.

  • Ganglia

Disponível para dispositivos Linux e Windows, o Ganglia teve origem na Universidade da Califórnia. Um dos grandes diferenciais dele é o fato dele ter sido desenvolvido para ambientes de computação de alto desempenho.

Outro ponto positivo dele é que ele apresenta os dados no formato XML. Com isso é possível exportar as informações para diferentes plataformas de geração de relatórios, facilitando assim a visualização da performance do sistema, problemas, e pontos que precisar ser modificados.

Inclusive, atualmente ele é amplamente utilizado por grids e clusters e grids de diferentes tamanhos. Ele também é de código aberto, e tem uma interface que funciona através da web.

Com uma ferramenta de monitoramento de rede, você terá mais facilidade para gerenciar a infraestrutura de TI do seu negócio. Quer mais dicas como essas? Então aproveite para nos seguir nas redes sociais.