A nuvem distribuída é uma inovação que é considerada a nova Era do Cloud Computing. Isso porque, ela pode atender as empresas que necessitam de acesso instantâneo aos dados dos clientes. 

Outro diferencial dessa tecnologia é que graças a sua capacidade de alto processamento de dados, ela dá o suporte necessário para os empreendimentos que desejam expandir o uso de IoT e Edge Computing. 

Mas afinal, o que é nuvem distribuída?

A nuvem distribuída (distributed cloud) é definida como a distribuição de serviços, por meio de uma nuvem pública, para vários locais diferentes. No entanto, toda a parte de governança e operação continua sob responsabilidade do provedor de cloud computing.

De forma geral, podemos dizer que essa tecnologia conecta dispositivos que acessam um mesmo sistema ou software. Dessa maneira, as máquinas conseguem conversar entre si, trabalhando de forma sincronizada.

Além disso, por meio dessa inovação, a empresa pode adicionar ou remover componentes da rede, conforme as necessidades que surgirem. 

Quais os benefícios de utilizar a nuvem distribuída?

Por ser um avanço do cloud computing, a nuvem distribuída consegue trazer uma série de benefícios adicionais para as empresas, tais como:

  • Baixa latência

O funcionamento dessa tecnologia se baseia na operação por meio de locais físicos mais próximos de quem precisa dos recursos fornecidos. Dessa maneira, é possível ter uma computação em nuvem de baixa latência.

  • Suporte total do provedor 

Para que esse sistema funcione, é necessário criar subestações estrategicamente posicionadas que auxiliem no suporte da nuvem compartilhada. Essas subestações são de responsabilidade do próprio provedor do serviço. 

Logo, a empresa consegue ter mais segurança sobre as operações. 

  • Menor risco de falha de rede

Outro benefício da nuvem distribuída é que ela também oferece um risco menor de falha de rede. Isso porque, como o serviço pode ficar em sub-redes e sub-locais, elas conseguem operar sem as chamadas amarras. 

  • Melhora a experiência dos usuários 

Quando falamos de distributed cloud os usuários dos sistemas também são beneficiados. Uma vez que, os computadores conseguem trabalhar de maneira sincronizada por conta do modo de operação da rede, e consequentemente os usuários acabam tendo uma experiência otimizada. 

Afinal de contas, o acesso aos dados acontece de forma rápida, ágil e sincronizada, facilitando o dia a dia. 

  • Maior disponibilidade de serviços 

Mais uma das vantagens desta inovação para os empreendedores que têm foco em expandir é o fato dela permitir uma maior disponibilidade de serviços. 

Como há um sistema que utiliza várias subestações que são controladas pelo provedor, a empresa consegue ter mais “pontos” de acesso às soluções. Inclusive, é possível operar múltiplos sistemas, e até mesmo direcioná-los para máquinas específicas conforme as necessidades do empreendimento.

Essa tecnologia pode ser benéfica para as empresas que buscam modernizar seus processos. Através dela, é possível ter acesso a uma ampla gama de serviços locais, mas mantendo a baixa latência e uma alta disponibilidade. 

Quer mais dicas de tecnologias que podem otimizar o seu negócio? Então aproveite para assinar nossa newsletter e receba nossos conteúdos em primeira mão. 

Comments are closed.

Que tal ser o primeiro a receber nossos conteúdos sobre tecnologia?

Receba nossos conteúdos em 1ª mão.