Investir em filiais pode ser a resposta para os anseios de muitos empresários que pretendem ampliar seus negócios, e é a forma mais viável para expandir consideravelmente o seu empreendimento.

No entanto, a gestão pode ser difícil, mas os resultados são geralmente muito maiores do que a quantidade de trabalho que você investe em cada filial. Para facilitar tal processo é muito importante investir num sistema de gestão eficaz.

Assim, neste post vamos trazer dicas de como integrar a filial da sua empresa à matriz. Confira!

Os desafios da integração de unidades da empresa

Muitas empresas que têm filiais espalhadas encontram dificuldades em interligar suas unidades. A distância física muitas vezes é o que diminui as oportunidades de interação entre os colaboradores das filiais com os que trabalham na matriz.

Embora o trabalho desempenhado por cada unidade possa ser diferente, conectar matriz e filiais é essencial para o crescimento da empresa e, consequentemente, para atingir bons resultados no negócio. Quando não há integração entre as unidades, existe o risco de as tarefas não serem executadas de acordo com a estratégia da empresa.

Assim, empresas que não conseguem conectar a matriz às filiais além de dificultar a interpretação de mensagens, pode levar a significativos desperdícios de recursos e horas de trabalho que poderiam ser melhor utilizadas.

Contudo, se todas as unidades estiverem interligadas, a produtividade aumenta e, consequentemente, os resultados se tornam ainda melhores.

E para que a sua empresa possa de fato conectar filiais à matriz, você precisa contar com soluções tecnológicas inovadoras e oferecer bons canais de comunicação para que haja o compartilhamento de informações e experiências, diálogo e parceria entre os seus colaboradores, mesmo que fisicamente distantes.

Boas práticas para conectar filiais a matriz

Uso de sistema de gestão multiempresas

O uso de um sistema de gestão multiempresas possibilita a centralização de várias lojas em um único sistema, tornando possível o acesso a informações de toda a rede em uma única plataforma, permitindo a padronização dos procedimentos de atendimento, vendas e de emissão de notas fiscais em todas as lojas, reduzindo os custos com a mão de obra relacionada a processos de integração de dados e informática e, ainda, um controle maior das operações da empresa.

Rede Particular Virtual

A Rede Particular Virtual ou Virtual Private Network (VPN) nada mais é do que uma solução usada para conectar computadores por meio de uma rede pública, como é o caso da internet.

Um dos principais benefícios do serviço de VPN é a segurança, já que os dados trocados entre os diferentes pontos da rede são codificados. Assim, esse tipo de solução é uma boa opção para conectar matriz a filiais e também para interligar diferentes usuários por meio da internet.

É possível acessar de maneira segura as aplicações, informações e arquivos compartilhados da empresa. Portanto, por meio dessa tecnologia, computadores distantes são conectados e seus usuários podem acessar pastas e arquivos como se estivessem numa rede local.

Faça treinamento de pessoal

Investir em um treinamento padrão de pessoal das empresas filiais é fundamental, bem como assegurar continuamente programas de treinamento. Qualquer mudança significativa em sua empresa precisa ser informada aos seus colaboradores, você também precisa saber sobre o que eles estão trabalhando, portanto, faça reuniões periódicas. Também, é necessário motivá-los.

Crie um plano de longo prazo

Quando se tem um plano de longo prazo, a partir de um pouco de pesquisa e estimativa para o futuro, os colaboradores de sua empresa se sentem mais confiantes e, consequentemente, trarão resultados contínuos. Embora não seja fácil, vale a pena, pois seus afiliados devem saber quais são seus objetivos a longo prazo e que essa visão para o futuro pode garantir o futuro deles.

Certifique-se de promover seu produto

A gestão de filiais deve garantir que os seus colaboradores se sintam confiantes de que seu produto ou serviço vale a pena ser promovido e, ainda, que essa promoção deve ser contínua. Mas, pode ser difícil determinar a quantidade exata de comissão que se deve oferecer e, por isso, muitas vezes é melhor definir taxas diferentes, com base numa análise de desempenho de cada um. Isso mantém uma motivação e um estímulo constante entre os colaboradores.

Gerenciar um programa de filiais é muito semelhante à gestão de qualquer tipo de projeto onde o importante é estar em contato constante com os seus colaboradores e mantê-los informados sobre o negócio que está gerindo. Gostou do artigo? Assine nossa newsletter e mantenha-se atualizado sobre vários assuntos interessantes que podem ajudar a sua empresa. 

Comments are closed.